Com o objetivo de criar uma certificação para professores e gestores da Educação Básica de todas as regiões do país, o Escritório da UNESCO no Brasil lança em parceria com a Iniciativa Educação Aberta (da qual a Cátedra UNESCO em EaD é parte) a primeira turma do curso Líder Educação Aberta. Trata-se de uma formação totalmente gratuita e on-line, com carga horária de 60h, mesclando momentos síncronos e assíncronos, como o objetivo de criar uma rede de lideranças educacionais comprometidas com a transformação educacional por meio da adoção de conceitos e práticas de abertura e promoção de direitos digitais.

 

Uma live acontece amanhã (1), às 17h30, para marcar o lançamento do curso. Participam do encontro virtual a coordenadora de Educação da UNESCO no Brasil, Rebeca Otero; a diretora executiva do Instituto Educadigital, Priscila Gonsales; e o coordenador da Cátedra UNESCO EaD na Universidade de Brasília, Tel Amiel. A live pode ser acompanhada pelo Youtube: www.youtube.com/ieducadigital 

 

O curso Líder Educação Aberta será composto por oito módulos de conteúdo. Ele vai apresentar práticas a partir das competências relacionadas aos Recursos Educacionais Abertos (REA) — compreender, buscar, usar, criar e compartilhar —, bem como reflexões sobre a relação entre educação, cultura digital e direitos humanos. 

 

Cinco vagas estão reservadas para discentes da UnB. O processo seletivo será divulgado em breve.

Da UnB Agência